Sabor Paulista genuino em pleno Japão

Então imagina que você esta no Japão e de repente se depara com algo que te lembra o brasão paulista e não, você não esta sonhando… você consegue mesmo ler o que está escrito abaixo do logo e diz:: CAFÉ PAULISTA! Surreal!

O lugar foi fundado por volta de 1909 por um senhor japonês que foi ao interior de São Paulo e se apaixonou pelo nosso café e desde então está na mesma família passando de geração a geração, e hoje é o café mais antigo de todo o Japão. Que lindo isso!

Apesar de toda a pinta, ninguém fala Português e o proprietário, que já há alguns anos tem terras produzindo café no interior de São Paulo e exportando para todo o Japão, só passa por lá uma vez por semana. Mas, nem por isso o atendimento deixa de ser fantástico! De modo geral você é sempre muito bem atendido no Japão, porém o CAFÉ PAULISTA tem mesmo alguma coisa a mais de especial.

Quando dissemos que éramos de São Paulo, a garçonete que não entendia muito bem inglês chamou o gerente e vocês não imaginam a festa! Todos os funcionários queriam nos conhecer!!! Aparentemente eles nunca conheceram ninguém de São Paulo 🙂 Foi mesmo muito divertido. Então, quando descobriram que era nosso 11o aniversário de casamento, surpresa! Ganhamos vários presentes e não nos deixaram pagar a conta! (tudo bem que acabamos voltando praticamente todos os dias pela proximidade do nosso hotel) Até o meu capuccino veio decorado com o número 11 🙂

O preço não tem nada a ver com nenhum “café paulista” que eu conheço, mas afinal de contas estamos em Tóquio, e apesar disso, verdade seja dita é tudo MUITO BOM! Do cafézinho ao capuccino e do pãozinho aos doces, é tudo muito gostoso e de altíssima qualidade.

A decoração reproduz a nossa São Paulo dos anos 30, e os clientes habituais acabam ajudando a criar o clima ( clientes mundialmente conhecidos por sua fama histórica de “intelectuais” e afins, que inclui na sua lista John Lennon e Yoko Ono, entre outros).

Com a entrada do Starbucks e suas cópias no mercado japonês, vai ficando difícil os tradicionais cafés se manterem vivos, e o CAFÉ PAULISTA está na vanguarda deste movimento e mais vivo do que nunca!

Eles oferecem desde canecas (mugs), acessórios, máquinas de café tradicional e claro, a sua linha de cafés importada diretamente da sua própria fazenda no interior de São Paulo! É aquele espírito genuíno e artesanal que você não consegue encontrar nas grandes redes… NOTA 10!

どうもありがとう, Dōmo arigatō!

Café Paulista
Nagasaki Centre
8-9-16 Ginza
Chuo-ku, Tokyo
Telefone 03 3572 6160
Segunda a Sábado 8:30-22:00
Domingo 12:00-20:00
Facebook
Paulista.co.jp

Advertisements

Quando a moda encontra o chá da tarde em Londres

Para quem está de viagem marcada para Londres ou gosta de moda, comidinhas e chás deliciosos. Este post é para você! E para todas as meninas que assim como eu adora uma novidade, um dica diferente. O tema de hoje, apresenta uma proposta muito atraente: moda e gastronomia – “Tudo junto e misturado” 🙂

A idéia é simplesmente o máximo, e eu sinceramente surtei de felicidade quando soube que estava indo ao Prêt-`a-Portea, isso mesmo, “tea” no final. Bem bolado, não é?

Bom, para não criar muito suspense, o lance é o seguinte… O Prêt-`a-Portea é um chá tradicional inglês, com docinhos e comidinhas em miniatura ( coisa mais fofa), todos inspirados em coleções de moda do mundo das passarelas. Os mais prestigiados, mais desejados…Enfim! Irresistível. Não só para quem curte moda não!!!! Para qualquer mulher. Eu garanto. Aliás, até o meu marido que não dá a mínima para estas coisas adorou e ficou impressionado.

Quando eu fui, eles estavam servindo a coleção Primavera-Verão 2013. O que vem bem a calhar com o verão que está chegando no Brasil.

Estão muito curiosas não estão? Vamos lá, meninas! Água na boca…. Cliquem nas fotos para terem uma idéia melhor do ambiente, da delicadeza dos pastries e da criatividade e originalidade deste chá fashionista 😉

O preço ( £39.00 ) não é uma maravilha, mas olha vale cada centavo. E também é algo especial, ninguém vai a esse tipo de chá, todos os dias… quer dizer… a não ser que você seja a Sarah Ferguson, Duquesa de York, que acabamos encontrando por lá e que por sinal foi muito simpática.

Façam reserva antes. Temos todas as informações no final deste post.

Coleção “Spring Summer” 2013

Eu amei tudo! De verdade meninas. Os doces e os chás e canapés estavam deslumbrantes, dava dó de comê-los hehe caipira é fogo! Mas não estavam só lindos, estavam deliciosos e saímos de lá mais do que satisfeitos e muito felizes.

E eu amei a minha bolsinha -pink- take away com os meus preferidos dentro. Tudo com muita delicadeza e mimo. Claro que não sobrou nada, me desculpem meninas :-p

Se eu tivesse que eleger apenas um, eu diria que a bolsinha do Jason Wu me ganhou assim… desde o primeiro momento em que a vi. Foi mesmo paixão `a primeira vista. Em segundo lugar, o sapato Manolo Blahnik. Sou louca, pirada por sapatos e bolsas.

Clicaram nas fotos? Morreram de inveja? Esta é uma daquelas coisas para se fazer antes de morrer. Porque quase nada é mais legal que moda, boa comida, bom gosto, make up e ser mulher 😉

Link abaixo:

The Berkeley London

The Berkeley Hotel London
Wilton Place
Knightsbridge
London SW1X 7RL
United Kingdom

Reservas Prèt-à-PorTEA
dining@the-berkeley.co.uk
Call: +44 20 7107 8866
De Segunda a Sexta 8:00-20:00
Sábados e Domingos 9:00-19:00

the-berkeley.co.uk

A minha lista de compras para casa da semana. Tudo fofo e muito prático.

Mais uma sexta-feira! Estão animadas? Eu vou passar o finds no sossego da minha casinha. Nada melhor  do que ter tudo prático, principalmente na cozinha. Este post vai ser curtinho, mas eu achei tão fofo o meu pedido online desta semana de coisas para casa, que não pude deixar de compartilhar.

kasualkool_ideiapracas

Se tiverem alguma dúvida do que é cada ítem, é só deixar um comentário que eu explico tudo e digo em que sites comprei. Vamos participar! Quero conhecer melhor todos vocês. Um beijo e bom fim de semana ❤

Workshop de sobremesas francesas em Paris – Café Gourmand

Em Janeiro, estive em Paris. Sempre tive o sonho de aprender a cozinhar como os franceses ( Não deixem meu marido italiano ler isso ).

Como estava passeando, não tinha tempo de fazer um curso completo de culinária, então resolvi me inscrever num workshop de um dia e aprender pelo menos algumas sobremesas. E então escolhi o Café Gourmand. Um conceito muito KOOL de juntar várias mini-sobremesas, num prato só. Além de delicioso, é lindo de se ver. Aquela coisa de comer com os olhos!

O Café Gourmand é um conceito culinário muito interessante e pelo que pesquisei, acredita-se que surgiu em Paris, por volta do ano de 2005.

É prático, te dá a oportunidade de provar vários sabores e a melhor parte: sem culpa, são mini-sobremesas. Te dá a impressão de que você não vai engordar. Será?

A minha experiência foi ótima e por incrível que pareça, (haha) acreditem… Eu consegui fazer tudo bonitinho!  Pois bem, vamos ao que interessa:

O programa era composto de 3 pratos: Compote de Poire et Langue de Chat  – compota de pera e língua de gato, o biscoito. Baba au Rhum e  Creme Brûlée Chocolate.

cafegourmand

Começamos pelo Creme Brûlée – Eu achei o máximo ser de chocolate. É inovador. É delicioso e super fácil de fazer, desde que você tenha os ingredientes e equipamento corretos. Dá prá fazer adaptando alguns ingredientes e substituir o maçarico pela grelha do forno, mas não vai sair igual, acredite. O segredo da cozinha francesa é a minuciosidade, a escolha exata dos ingredientes. E junto com isso, a técnica que é própria deles. Outra coisa! Nada de medir ingredientes em xícaras, como fazemos no Brasil. Tem que ter balança. Tudo é medido em gramas, até as gemas.

Enquanto fazíamos a massa do Baba, a professora chef,  já estava com as peras descascadas e  no fogo para fazer a compota. Foi tudo muito dinâmico. No começo achei que não ia dar tempo, mas uma tarde foi suficiente para aprender tudo. E assim foi. Nos dividimos em grupos e cada grupo ia fazendo uma coisa. Quando nos demos conta, o básico estava pronto e era hora de montar os doces. Essa parte foi mais demorada. É tudo feito ali. Desde o chantilly, até tirar as sementinhas de baunilha da própria folha. Incrível mesmo! Apaixonante.

Se vocês quiserem saber mais, eu posso postar as receitas.

E aí? Já tá com água na boca?

La Cuisine Paris
80 Quai de l’Hôtel de ville
75004 Paris, France
01 40 51 78 18
lacuisineparis.com