Como lidar com a TPM!

Todas nós, ou pelo menos a maior parte de nós sabe como é terrível sofrer de TPM. Eu tenho lutado muito contra a TPM por algum tempo.

Eu sinto que só piora com o passar dos anos. O mais curioso é que quando eu era bem jovem, não sentia tanto os sintomas. O máximo era uma cólica aqui, outra ali…

Todo mês, uma batalha. Ao ponto de ter 15 dias de total “inferno” e 15 dias de melhora. Fui pesquisar e vou escrever aqui a minha experiência e o que descobri.

Já tentei anticoncepcional, vitaminas e hormônio bioidêntico. Porém,  pelo que entendi finalmente e que ainda não tentei, mas vou já começar, é que todas essas medidas devem ser combinadas, tomadas simultaneamente.

Aquela vontade de comer doces, em especial chocolates é bem real, e alguns estudos afirmam que o consumo de chocolate e doces em geral, estimula a produção de serotonina e dopamina, substâncias que melhoram o humor e dão sensação de bem-estar.

kasual_kool_pms

Alguns dos sintomas físicos:

1- Seios doloridos

2- fadiga

3- retenção de líquidos

4-  acne

5-  inchaço

6-  problemas de digestão

7-  dores de cabeça e enxaqueca

8- desarranjo intestinal

9- cólica

10 – suor excessivo

Existem mais sintomas, mas estes são os mais comuns. Os sintomas físicos assim com os emocionais também variam de mulher para mulher.

Sintomas emocionais mais comuns:

1- depressão

2- paranóia

3- baixa autoestima

4- mudanças de humor

5- ansiedade

6- dificuldade de concentração

7- alteração da memória

8- alteração do apetite

9- sentimento de abandono

10 – em casos severos, pensamentos suicidas.

A TPM ainda não é completamente entendida pela comunidade científica e nem pelos médicos. A cada ano, surgem novos estudos e apesar de não ter cura, dizem os médicos que a TPM pode ser controlada. Eu ainda não cheguei lá. Mas tenho o meu plano. Consulte um bom médico, um disposto a levar a sério os seus sintomas. Um profissional capaz de diagnosticar corretamente a TPM, já que se trata de algo bem complexo. Eu aprendi que não existe um remédio simples e milagroso.

O que se pode dizer é que não é normal viver com TPM.  Isso afeta diretamente a minha qualidade de vida, os meus relacionamentos e a minha autoestima. Eu sei que não estou sozinha! Por isso, resolvi contar para vocês o que pretendo fazer a partir de agora. Espero que ajude muitas mulheres, que assim como eu não suportam mais sofrer todos os meses. Drama 🙂 também é um sintoma da TPM. Ao ataque meninas!

É impossível controlar os hormônios em 100%, mas algumas mudanças no estilo de vida e na alimentação ajudam a minimizar os sintomas.

E não é preciso mudar drasticamente. Mudanças simples promovem a melhor saúde dos neurotransmissores e o equilíbrio dos hormônios sexuais, assim como dos níveis de insulina. A insulina desempenha um papel importantíssimo na regulação dos acúcares no sangue, que por consequência também influenciam muito nos sintomas da TPM.

* O exercício físico é fundamental. Mas como se exercitar, se eu mal consigo sair da cama na TPM? Pois é. Eu tenho que reforçar a minha alimentação 15 dias antes do meu ciclo para obter energia para o exercício. E para isso eu tomo um energético em cápsulas composto de chá verde e outras substâncias naturais. Eu não vou indicar marcas neste post, meninas. Mais do que nunca, você precisa de auxílio profissional para cuidar da saúde. TPM é coisa muito séria. A minha ajuda é no sentido de você ter conhecimento e armas para lutar.

* As vitaminas e algumas ervas também ajudam quando você já está na TPM. Um bom suplemento vitamínico ajuda na prevenção e na redução dos sintomas, porque atuam no equilíbrio hormonal. Consulte um nutricionista e um bom ginecologista para chegar nas vitaminas e doses adequadas ao seu caso. A título de referência, eu gosto muito dos suplementos vendidos neste SITE em Inglês <<<<<< CLIQUE  porque são mulheres ginecologistas, especializadas em TPM, menopausa entre outros. Eu descobri este site há uns 7 anos atrás quando ainda morava em Nova York. Pelo que eu me lembro, eles entregam no Brasil, não tenho certeza. Entrem em contato.

* A alimentação adequada faz muita diferença. O grande problema é que na TPM é quase impossível resistir aos chocolates, batata-frita, coca-cola, um bom vinhozinho para relaxar e ao bom e velho café para acordar. Mas a verdade meninas, é que tudo isso deve ser evitado. Os sintomas realmente pioram quando não tomamos conta da nossa alimentação. Eu vou ser muito sincera. Eu não consigo controlar totalmente. Eu meto o pé na jaca na maioria dos meses. Por isso, eu tenho feito um exercício mental que tem me ajudado e aos poucos eu sei que vou ter total controle sobre isso. O segredo é trazer `a tona as memórias dos seus dias mais sofridos. Mas não fique remoendo aquilo. Que seja apenas um lembrete, um alarme. Mantenha um diário. Escreva para você mesma palavras de encorajamento e afirmações positivas. Cultive o amor próprio. Pense no seu corpo com um templo sagrado. O Yoga é excelente para criar uma consciência saudável em relação ao corpo-alma-espírito.

* O hormônio bioidêntico (nesse caso Progesterona em creme) achei que alivia sim os sintomas. Eu descobri isso também em Nova York, há alguns anos atrás. Aqui onde moro atualmente – na África, eu consultei um médico de Johannesburg que é tipo um homeopata diferente, porque ele usa técnicas de cura quântica e medicina antiga combinadas com tratamentos naturais e homeopatia. Eu gostei muito, mas a pessoa precisa ter a mente bastante aberta. Para mim isso foi fácil. E eu já tinha conhecimento anterior do hormônio bioidêntico. A grande vantagem do bioidêntico é que é exatamente igual `aquele produzido pelo seu corpo, ao contrário do sintético. De qualquer forma, não faça nada sem antes consultar um médico de sua confiança.

Para quem estiver na África e quiser se consultar com o Dr. Bulatov, clique aqui <<<<<<<<<

* Anticoncepcional –  eu não gosto muito dos anticoncepcionais. Não me adapto bem a eles, mas em alguns casos, a pílula, o implante concepcional ou mesmo a suspensão da menstruação é uma medida remediadora no combate `a TPM. Converse com o seu médico.

* Antidepressivos – para as meninas com sintomas severos como tristeza profunda ou depressão, alguns médicos prescrevem um antidepressivo. O mais comum é o conhecido Prozac – Fluoxetina. Me corta o coração saber que muitas mulheres ainda sofrem sem necessidade. Deixo aqui registrada a minha solidariedade e quero que saibam que eu as entendo perfeitamente. A minha maior esperança é poder ajudá-las.

Meninas, a minha predileção sempre vai ser por remédios naturais. Contudo, eu tenho nocão que nem sempre isso é possível. Eu já tomei antidepressivos, isso não é nenhuma vergonha. E sendo brutalmente honesta, eu não sei o que teria sido de mim sem eles, nas minhas piores crises. Procure ajuda médica. Pare de sofrer!

Eu tomava uma dose prescrita pelo médico, 15 dias antes do ciclo e parava por 15 dias. Por algum tempo, tomei direto e foi nesse período que me senti melhor. Muitas vezes o corpo não se adapta bem a um tipo ou outro de antidepressivo. Por isso é EXTREMAMENTE importante ser acompanhada por um bom profissional da saúde. Levando em conta que o corpo também precisa de um tempo para se adaptar. Não comece nenhum remédio sem autorização médica e tão importante quanto; não pare de tomar sem conversar com o médico antes.

A minha conclusão final é tentar uma combinação de métodos para acabar de vez com o monstro da TPM. Em detalhes: alimentação balanceada, rica em legumes, verduras, peixe ( tipo salmão, rico em omega 3 e vit. D), carnes magras, frutas e cereais integrais. Evitar: doces, alimentos industrializados, refinados, carboidratos não integrais, café, álcool e frituras.

Tomar suplemento de vitaminas prescrito por um médico.

Exercício físico regular. Descubra um exercício que te dê prazer ou que você se identifique. No meu caso, dança e yoga.

Se necessário continuar com o hormônio bioidêntico.

Se eu estivesse em um período de crise forte, tomaria antidepressivo.

Importante: Estas medidas não fazem efeito se tomadas separadamente. O segredo provavelmente é juntar tudo em um pacote. Mudar o estilo de vida. Daqui uns meses eu volto aqui para contar quais foram os resultados.

Boa sorte a todas nós!

Grande beijo

kasual kool kiss

Se você sofre de TPM, compartilhe sua história conosco

Advertisements

Atenção! Informação importante.

Meninas!

Muitas me perguntam onde fica a minha clínica, se eu vendo produtos…
Para esclarecer, o blog nasceu da minha vontade de compartilhar com vocês as minhas melhores dicas, ajudar outras mulheres. Faço tudo com muito carinho.
Ame-se, trabalhe a sua autoestima e corra atrás dos seus sonhos. Desistir jamais!
Um dia quem sabe terei uma clínica com produtos maravilhosos. Vocês serão as primeiras a saber. Mas se for para fazer, será realmente para fazer diferença na vida de nós mulheres. Trabalho sério e eficaz.
Sejam felizes e lembrem-se: maquiagem não esconde um coração feio!

Um beijo a todas.

eu_kasual_kool_muitoamor

O verão acaba, mas as manchinhas na pele…

O verão acaba, mas as manchinhas na pele...

Tem coisa mais chata que manchas de sol? Eu sofro todos os anos com isso. Eu adoro o verão, mas é preciso muito cuidado com a pele.
Eu usei Heliocare 90 este verão. Isso mesmo! Proteção 90 e ainda assim, lá estão elas de volta. As famosas manchinhas. E as minhas são grandes! Eu gosto de tratamentos profissionais, mas como aqui onde estou (Maputo – África ) não temos muitos recursos, uma amiga me trouxe da África do Sul, um serum da Clinique que eu já tinha usado o ano passado e que achei muito bom. Meninas, milagres não existem, mas ele realmente ajuda na diminuição das manchas. O que ele promete:

– clarear as manchas em até 58% após 12 semanas, mas os resultados já podem ser vistos em 4 semanas, melhorando não só as manchas, como discolorações e marcas de acne.

Usei por 3 meses o ano passado e gostei. Este ano estou na terceira semana e já vejo resultados.

E vocês? Já usaram esse ou algum outro para manchas?